Conselheiras Tutelares eleitas pelo Processo de Escolha Suplementar foram empossadas em São Ludgero

O vencimento salarial é de R$ 1.560,91 (32 horas semanais), somado ao Sobreaviso de R$ 290,27 e Vale Alimentação de R$ 200,00.

Foi realizada às 8 horas de hoje, quarta-feira, 19 de junho, no Gabinete do Prefeito, a posse de Chayanne Jeremias Redivo e Jaine Schlickmann como Conselheiras Tutelares. Elas foram eleitas pelo Processo de Escolha Suplementar que abriu duas vagas com função a ser exercida até dia 9 de janeiro de 2020.

O processo de escolha indireta foi realizado pelos membros titulares e suplentes do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de São Ludgero no dia 13 de junho. Os demais candidatos habilitados ficarão na condição de suplentes.
Durante o ato solene Chayanne e Jaine após serem nomeadas pelo prefeito Ibaneis Lembeck, o Iba, fizeram o juramento e foram empossadas.

A presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de São Ludgero, Caroline Crocetta Turazzi, explica que a realização do processo de escolha suplementar foi uma necessidade pelo fato do conselho funcionar com 5 titulares e, atualmente, estar somente com 3 titulares e não ter mais ninguém na suplência.

Além do prefeito Iba e da presidente do CMDCA Caroline, prestigiaram a posse o vice-presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de São Ludgero, Matias Weber e a secretária Morgana Buss Hobold, bem como o Secretário de Administração, Finanças e Planejamento, Léo Füchter.

Por: José Luiz Madeira | Voz Livre
Fonte: Assessoria de comunicação município de São Ludgero